Política

Eduardo Leite sobre RS: ‘Temos uma crise gigantesca para administrar’


A Jovem Pan transmitiu a fala do governador do Rio Grande do Sul durante coletiva em São Leopoldo

Reprodução/Jovem Paneduardo leite coletiva RS
Leite enfatizou a importância de colocar de lado diferenças políticas e ideológicas para concentrar esforços nas necessidades urgentes da população

O governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, discursou em coletiva transmitida pela Jovem Pan, nesta quarta-feira (15), sobre as medidas anunciadas pelo governo federal que visam a dar suporte para as pessoas que perderam tudo durante as enchentes no Estado. Ao lado do presidente Lula, Leite enfatizou, direto de São Leopoldo, a importância de colocar de lado diferenças políticas e ideológicas para concentrar esforços no atendimento às necessidades urgentes da população afetada.

O governador anunciou uma série de medidas de apoio às famílias desabrigadas e afetadas pela crise. Entre as ações, destacam-se a distribuição de recursos financeiros para a compra de itens essenciais e a busca por soluções habitacionais, tanto temporárias quanto definitivas. Leite também sublinhou a importância de manter a atividade econômica ativa, com especial atenção ao turismo e à reconstrução da infraestrutura, e fez um apelo por maior apoio federal, incluindo a suspensão do pagamento da dívida estadual e auxílio para compensar as perdas de arrecadação, visando assegurar a recuperação plena do estado.

cta_logo_jp

Siga o canal da Jovem Pan News e receba as principais notícias no seu WhatsApp!

Ele expressou sua gratidão pelo apoio recebido de todos os Estados brasileiros, que não hesitaram em enviar equipes, equipamentos e toda a estrutura necessária para auxiliar nas operações de resgate e assistência.

Leite agradeceu aos inúmeros voluntários e servidores públicos que têm dedicado seus esforços à reconstrução e ao suporte das vítimas das recentes catástrofes que assolaram o estado.  Durante seu discurso, o governador fez questão de ressaltar a história de um voluntário, o médico Leandro Mic, que perdeu a vida após chegar a um abrigo no Rio Grande do Sul, onde iria ajudar vítimas da tragédia no Estado. No encerramento do discurso, Eduardo Leite invocou o hino do Rio Grande do Sul e destacou a capacidade de superação do povo gaúcho.

Assista ao discurso de Eduardo Leite abaixo





Fonte: Jovem Pan

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *