Lazer e Turismo

5 filmes de ficção científica para assistir na Netflix


Confira uma lista com as melhores produções do gênero para explorar realidades alternativas

Filmes de ficção científica disponíveis na Netflix transportam os espectadores para realidades alternativas Filmes de ficção científica disponíveis na Netflix transportam os espectadores para realidades alternativas Imagem: Hamara | Shutterstock)

Em um mundo em que a imaginação não conhece limites e a tecnologia transcende as fronteiras do possível, os filmes de ficção-científica têm o poder de transportar os espectadores para realidades alternativas e explorar os mais profundos mistérios do universo. No catálogo da Netflix, por exemplo, encontramos uma seleção diversificada de obras-primas do gênero, cada uma oferecendo uma jornada única por meio de cenários futuristas e tecnologias avançadas.

Por isso, selecionamos 5 filmes de ficção científica disponíveis na plataforma para você descobrir os cosmos e romper a fronteira entre o tempo e o espaço. Confira!

1. O Astronauta (2024)

“O Astronauta” acompanha a trajetória de um astronauta que tenta solucionar os seus traumas com a ajuda de um extraterrestre Imagem: Reprodução digital | Netflix

Baseado no livro Spaceman of Bohemia, de Jaroslav Kalfar, e dirigido por Johan Renck, “O Astronauta” é uma viagem intergaláctica entre o autoconhecimento e o amor. Na obra, o astronauta Jakub Procházka (Adam Sandler) embarca em uma missão solitária de 6 meses no espaço. No entanto, sob o solo de Júpiter, ele sente o peso da solidão e sofre com saudades da esposa grávida.

Enquanto isso, Lenka (Carey Mulligan), na Terra, frustrada com a distância do marido, decide se separar. Tentando se manter sóbrio e alimentando a esperança de voltar para casa, o astronauta é visitado por um alienígena, que promete solucionar os seus traumas. Assim, eles embarcam em uma viagem no inconsciente angustiante de Jakub, buscando resolver o que há de errado em sua vida.

2. The Kitchen (2023)

“The Kitchen” conta a história de uma alarmante luta de classes em uma sociedade distópica em Londres Imagem: Reprodução digital | Netflix

Do gênero drama, ficção científica e aventura, “The Kitchen” é um filme distópico ambientado em Londres, 2044. Dirigido por Daniel Kaluuya e Kibwe Tavares, o longa conta a história de Izi (Kane Robinson), um homem que está prestes a trocar o conjunto habitacional “The Kitchen”, um dos únicos existentes em meio à alarmante luta de classes, por um apartamento de luxo. Tudo muda quando o jovem Benji (Jedaiah Bannerman) entra em sua vida. Então, eles formam uma improvável aliança para sobreviverem em uma sociedade cruel que reprime a existência deles.

3. Não Olhe para Cima (2021)

“Não Olhe para Cima” narra a história de dois astrônomos que descobrem um cometa que pode destruir a Terra Imagem: Reprodução digital | Netflix e O2 Play

Dirigido por Adam McKay e estrelado por um elenco de peso, incluindo Leonardo DiCaprio, Jennifer Lawrence e Meryl Streep, este filme leva o espectador a refletir sobre questões contemporâneas da sociedade, como meio ambiente e política. A obra narra a história de Randall Mindy (Leonardo DiCaprio) e Kate Dibiasky (Jennifer Lawrence), dois astrônomos que descobrem um cometa mortal vindo em direção à Terra.

Para alertar a população sobre a iminente catástrofe, eles partem em um tour midiático, mas se deparam com uma série de obstáculos, incluindo o desinteresse do público, a descrença dos líderes políticos e os interesses corporativos. Com isso, precisam fazer mais do que apenas falar para salvar o mundo.

4. O Céu da Meia-Noite (2020)

“O Céu da Meia-Noite” mergulha nas profundezas do espaço e da alma humana Imagem: Reprodução digital | Netflix, Anonymous Content e Truenorth Productions

O “Céu da Meia-Noite” mergulha nas profundezas do espaço e da alma humana. Dirigido e estrelado por George Clooney, o filme transporta o público para um futuro distante, em que uma catástrofe global tornou a Terra praticamente inabitável. O protagonista Augustine, um cientista solitário que permanece em uma estação de pesquisa no Ártico, busca desesperadamente encontrar uma forma de comunicação com uma nave espacial que retorna de uma missão a Júpiter. Sua única companhia é uma jovem misteriosa chamada Iris (Caoilinn Springall), deixada para trás após a evacuação da base.

Enquanto a narrativa se desenrola, o espectador é levado a uma jornada emocional e existencial, na qual a solidão e a esperança se entrelaçam no vazio do espaço sideral. À medida que Augustine e Iris embarcam em uma perigosa missão em direção a outra estação de comunicação, enfrentam não apenas os perigos físicos do ambiente hostil, mas suas próprias angústias e arrependimentos.

5. A gente se vê ontem (2019)

“A gente se vê ontem” combina ficção científica e drama para explorar questões de identidade Imagem: Reprodução digital | Netflix

“A Gente Se Vê Ontem” é um longa que combina ficção científica e drama para explorar questões de identidade, amizade e complexidades do tempo. Dirigida por Stefon Bristol e produzida por Spike Lee, a obra acompanha a história de dois brilhantes estudantes de ensino médio, Claudette “C.J.” Walker e Sebastian Thomas, interpretados por Eden Duncan-Smith e Dante Crichlow, respectivamente.

Os jovens cientistas desenvolvem uma máquina do tempo improvisada como parte de um projeto de ciências, mas acabam se envolvendo em uma série de eventos turbulentos. Quando o irmão de C.J., Calvin, é tragicamente assassinado pela polícia, ela fica determinada a usar a máquina do tempo para salvar sua vida. No entanto, as tentativas de alterar o passado têm consequências imprevisíveis e perturbadoras, desencadeando uma série de eventos que desafiam suas próprias percepções de tempo e realidade.





Fonte: Jovem Pan

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *